Vans Shoes e Sua Amizade Com o SKT!

A Vans é uma das maiores empresas de tênis do mundo e uma das mais influentes na cultura skateboard mundial.
Sua história acompanha o skate desde os anos 70, época do berço desse esporte, com Z Boys e Dogtown.
A empresa começou em 1946, mas foi com 8 anos de idade que a parceria com o skate surgiu. Provavelmente devido ao preço, apenas $8 o par do tênis, a localização das lojas, em Santa Mônica e The Valley e ao solado “Waffle” que encaixava perfeitamente na lixa do shape.
Como todo skatista sabe, o tênis do pé de base sempre acaba se deteriorando mais rápido, e não era diferente nessa época. Portanto Tony Alva, Sosho O Cubo e Jay Adams voltavam a loja pedindo para comprar apenas o pé esquerdo, o qual saia por $4. O importante era o modelo e não a cor, então muitas vezes acabavam saindo com um tênis azul e outro vermelho no pé. Logo a moda pegou, já que todos os meninos descolados da época copiavam esses caras.
Com o tempo Tony Alva começou a pedir para a Vans mais conforto e dar dicas de onde o tênis precisava ser melhorado. Um dos primeiros pontos era a necessidade de uma maior proteção para os tornozelos. Os donos da empresa deram ouvidos e o primeiro cano alto surgiu no mercado. O Classic High Top Blue foi um grande marco e se tornou o primeiro tênis de skateboard do mundo.
Desde então a Vans tornou-se uma das marcas preferidas dentro do skate, e marcou a vida de muitos dessa cultura. Geoff Rowley conta que nunca esqueceu de seu primeiro Vans, o modelo clássico cano alto preto com a listra branca do lado, comprado de um amigo. O tênis já estava usado, com alguns buracos na lateral e era uma numeração acida da usava por Geoff. Devido a isso para conseguir andar com seu “novo” tênis o cara precisava de dois pares de meia para dar um rolê confortável.
O nome ” Of The Wall” surgiu em 1976, como forma de assinatura para o único tênis feito para o skate e devido ao estilo 70’s que literalmente saia das paredes dos Bowls.
Em 1989 a Vans foi pioneira mais uma vez, sendo a primeira empresa a ter um tênis assinado por um skatista. Steve Caballero lançou seu modelo cano alto que ganhou o suporte de todos os envolvidos, desde os skatistas até as revistas da época.
Com o fortalecimento do street skate nos anos 90, manobras mais técnicas começaram a ganhar força e para realiza-las uma mobilidade maior nos tornozelos era necessária. Unindo isso ao movimento punk, os skatistas começaram a cortar o cano do Caballero FullCabs e fazer o “acabamento” com silvertape. Cansado de fazer a mesma coisa com seus próprios FullCabs, um dia Caballero ligou para a Vans e propôs ” Que tal fazermos meu tênis em uma altura média e chama-lo de HalfCab?”. E claro mais uma vez o novo modelo da Vans estorou no mercado,
Eatamos em 2015 e ainda andamos em shapes de madeira com tênis vulcanizados. Isso é a prova de que a simplicidade da Vans não precisou ser mudada e o motivo da empresa ser um das mais respeitadas por todas as gerações do skateboard.

This website uses cookies.

Read More